domingo, 7 de abril de 2013

Série a sério #5

No último domingo, 31/03, estreou, simultaneamente aqui no Brasil e nos EUA, a terceira temporada da série "Game of Thrones", pelo canal pago HBO, baseada nos livros de George r. R. Martin.


Depois das duas primeiras temporadas incríveis, essa terceira não poderia deixar a desejar, e já no primeiro episódio deu para perceber que ela será repleta de fortes emoções e muita disputa pelo trono de ferro.

A terceira temporada começa exatamente onde terminou a segunda: após o ataque de Stannis Baratheon e seu exército a Porto Real, onde Tyron Lannister quase perdeu a vida; Daenerys não ouve os conselhos de seu amigo e protetor Sor Jorah e parte para o desconhecido a fim de reconquistar suas terras junto com seus dragões; Jon Snow é prisioneiro está indo para muito além da Muralha, para longe de seus irmãos da Patrulha da Noite; Cersei, mãe do Rei Joffrey, está tranquila em seu castelo, confiante de que nada nem ninguém lhes tirará do trono, já que agora seu pai, o poderoso Lord Tywin Lannister, está por perto para protegê-los, enquanto tenta descobrir onde está seu filho preferido, Jaime, que foi capturado por Robb Stark.


A HBO divulgou uma sinopse geral da temporada, que contará com novos personagens e com alguns detalhes do primeiro episódio, quando Jon Snow é levado até Mance Rayder, o Rei Além da Muralha, enquanto os sobreviventes da Patrulha da Noite recuam para o sul:

"A medida em que esfria a Baía do Água Negra, os vitoriosos consolidam seu poder e reconstroem Porto Real. Mas novos desafiadores do Trno de Ferro surgem nos lugares mais inesperados. Personagens  antigos e novos devem navegar entre as exigências da família, honra, ambição, amor e  - acima de tudo - sobrevivência, uma vez que a guerra civil em Westeros avança outono adentro. No começo da terceira temporada, os Lannisters asseguram domínio absoluto sobre Porto Real depois de repelir as forças de Stannis Baratheon. Mas Robb Stark, Rei do Norte, ainda controla boa parte do Sul, sem nunca ter perdido uma batalha. No Extremo Norte, Mance Rayder une os selvagens no maior exército que Westeros já viu. Só a Patrulha da Noite se coloca entre ele e os Sete Reinos, mas ninguém sabe que fim levou o Lorde Comandante e a força liderada por ele além da Muralha. Pelo Mar Estreito, Daenerys Targaryen - reunida com seus três dragões em crescimento - se aventura pela Baía dos Escravagistas, em busca de navios e aliados que a levem de volta para casa."


Eu, particularmente, torço para que a Khaleesi consiga reconquistar suas terras. Aliás, como é natural torcer para a parte mais injustiçada da estória, eu também quero muito que o anão Tyron Lannister, irmão da rainha vagabunda má Cersei consiga se livrar do ódio de seu pai e possa mostrar seu real valor: ele é uma boa pessoa, só precisa de uma chance.


O primeiro episódio dessa nova temporada bateu todos os recordes de audiência conquistados pelas anteriores: foi registrado um aumento de 13% em relação à estreia da primeira temporada, com 4,4 milhões de espectadores nos Estados Unidos, e 4% em relação ao final da segunda temporada, que marcou 4,2 milhões. Contando com o público que assistiu as reprises que foram exibidas logo em seguida, o total de espectadores foi para 6,7 milhões de pessoas. Isso fez com que a emissora já anunciasse que fará a quarta temporada, claro.


Então vamos todos curtir mais essa temporada dessa série que é incrivelmente bem produzida, com seus personagens densos e seus magníficos cenários, capazes de deixar qualquer um com vontade conhecê-los. 


Os enormes livros de Martin estão aqui na minha estante, mas até agora só li o primeiro, por que acho que eles tomam muito tempo e a minha fila de leitura está muito grande... ainda vou lê-los, rsrs. Enquanto isso não acontece, fico com a série, que é bastante fiel ao original.



Um comentário:

  1. Eu sou suspeita para falar da série, pois amooooooooooooooooooooo Games of Throes, principalmente por causa da minha linda Khaleesi que também torço para que conquiste o trono de ferro com os seus dragões (risos)
    Mas também eu gosto muito do Tyrion, acho ele muito engraçado e espero ao mesmo tempo. Ele também merece uma chance mesmo de conquistar alguma coisa.

    Mas todos os personagens são ótimos, só não gosto da Cersei e do Jofrey -.-

    Eu tenho os dois primeiros livros, mas n li, meu ex namorado já tá no Festim dos Corvos e tá gostando. seila...vamos ver (risos)

    Amei seu post. PARABENS...
    se cuida

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!