sábado, 8 de fevereiro de 2014

Li até a página 100 e... #20



*** lembrando que esse post foi inspirado na ideia original do blog Eu leio, eu conto



Primeira frase da página 100:

"Como o leitor já aprendeu no capítulo anterior, o mundo como o conhecemos muito em breve deixará de existir, graças às mudanças profundas e irreversíveis provocadas pelo T. zombie."

Do que se trata o livro?

Com a ameaça iminente de um ataque zumbi, é melhor estar preparada para enfrentar a epidemia que poderá devastar o planeta. Nesse manual podemos aprender a como sobreviver durante o apocalipse zumbi e como se defender de ataques de mortos-vivos.

O que você está achando até agora?

Incrível.  

Melhor quote até aqui:

"Saiu de casa, desobedeceu às regras , não seguiu o protocolo? Não vai ter homem do saco, não vai ter 'balinha' nem mariola: os zumbis  vão pra cima de você tal qual um centauro enfurecido e não vai ter papai nem mamãe para lhe salvar. Para preservar a vida dos filhos adolescentes, Frederick recomenda o uso de uma das mais antigas e eficazes ferramentas pedagógicas: o medo. 'Vale de tudo: cortar propositadamente a luz, deixar os filhos se, sua cota de ração, acordá-los aos berros no meio da madrugada, fazê-los enterrar ou cremar zumbis." (página 98)

Algum personagem merece destaque?

Não existem personagens fixos nesse livro, já que ele é um manual de sobrevivência para um possível ataque zumbi. 

Vai continuar lendo?

Sim.

Última frase dessa página:

"Muitas pessoas se julgam preparadas para enfrentar esse cenário tão aterrador, mas a arrogância e a esperança são dois sentimentos fatais para um sobrevivente."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!