segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Um pouquinho de...

"Gus acessou um site de doações chamado Grátis Sem Pegadinha e juntos redigimos um anúncio.
- Título? - ele perguntou
- Balanço precisa de um lar - falei
- Balanço Extremamente Solitário Necessita de um Lar Amoroso - ele disse.
- Balanço Solitário e Ligeiramente Pedofílico Procura Bumbuns de Crianças - falei.
Ele riu.
- É por isso.
- O quê?
- É por isso que gosto de você. Você tem ideia de como é raro encontrar uma gata que use essa versão adjetivada do substantivo pedófilo? Você está tão ocupada sendo você mesma que não faz ideia de quão absolutamente sem igual você é.
Respirei fundo pelo nariz. Nunca havia ar suficiente no mundo, mas a carência dele naquele momento estava particularmente crítica."

(página 116, capítulo 8)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!