segunda-feira, 30 de junho de 2014

Um pouquinho de...

"Ela se levanta e arruma o vestido. Oliver coloca as mãos na posição correta, como se fosse um dançarino profissional - uma nas costas dela, outra no ar. Sua postura é perfeita, o rosto sério, e ela se encaixa no abraço que a espera com um sorriso tímido.
- Eu não faço ideia de como dançar assim.
- Eu mostro - diz ele, mas não se mexe.
Eles ficam assim em pé, a postos, como se estivessem esperando que a música comece. Não conseguem parar de sorrir. A mão nas costas dela tem eletricidade, e estar ali daquele jeito, tão perto dele, é o suficiente para deixá-la tonta. É como se estivesse caindo, como se tivesse esquecido a letra de uma música."

(página 219, capítulo 18)

4 comentários:

  1. *-----* Que bonitinho, quero ler!
    http://coisasdebelaa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ainn Joana!!!
    Tô ficando cada vez mais encantada com esse livro ^^
    Tenho de comprar logo <3
    Belo trecho!

    Beijos
    http://numrelicario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha, e eu fico fazendo mais vontade em vc né, rsrs.
      Prometo que esse é o último quote que publico, ok?
      Bjos!

      Excluir

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!