sábado, 13 de setembro de 2014

Momento HQ - Homem Aranha Superior


Há algumas semanas, escrevi aqui sobre a Marvel Now e suas re-evoluções. Bem, confesso que só tinha lido o "Ponto de partida" e ficado empolgadíssimo para conhecer os novos heróis. Então, logo peguei o "Homem Aranha Superior", um dos meus heróis favoritos, o amigo da vizinhança, o cabeça de teia, e... fiquei um tanto desapontado. Reconheço que, novamente, só li o primeiro volume, que começou de uma maneira interessantíssima, e depois deu uma caída. Vamos aos fatos:

A saga começa com o Doutor Otto Octavius encarnado no corpo de Peter Parker. Na saga original, o Dr. Octopus ficou à beira da morte, e o Homem Aranha usou a tecnologia do próprio vilão para derrotá-lo. Isso fez com que uma parte da alma de Otto continuasse viva, numa espécie de Horcrux de alta tecnologia, permitindo assim que ele entrasse no corpo de Peter, e prendesse Peter em seu corpo. E esse foi o momento Lindsey Lohan em "Sexta-feira muito louca" na HQ.

Superada essa cena, o Doutor precisa passar a agir como Parker, interagindo com seus amigos, com Mary Jane, tendo que ser o Homem Aranha, amigo da vizinhança. Isso para um vilão é inconcebível, e essa psicologia confusa é muito maneira, inclusive quando ele encontra a nova formação do Sexteto Sinistro e tem lutar contra eles. A partir de então, Octopus se autonomeia como Superior, pois considera que, além de possuir agora os poderes do Aranha, sua mente é muito mais brilhante que a de Peter.


Tudo isso acontece até o meio da revista, e depois a trama foca no verdadeiro Peter Parker tentando voltar a tomar o lugar em seu corpo, e a estória dá uma leve guinada para a galhofa. Sim, mesmo em uma HQ, tudo no enredo precisa ter uma ligação coerente para fazer sentido e segurar o leitor, e o que eu vi não me chamou a atenção o suficiente para acreditar.

Como disse no começo da resenha, ainda li só a primeira edição, e pode ser que nas próximas melhore muito. Ou não.

Ponto positivo para o desenho: a arte está incrivelmente maneira. Palmas para Paco medina e Juan Vlascos, que mandaram muito bem. E as tiradas cômicas do Homem Aranha ainda são muito boas. A essência é a mesma e isso deixa os fãs contentes.

Creio que a paciência com essa Nova Marvel é substancial, então, mesmo não gostando demais, eu recomendo sim a estória, mas apenas para aqueles com a mente muito aberta em relação a mudanças.

Saudações aracnídeas!




João Oliveira, escreve aqui sobre quadrinhos, e mantém o blog NBA Time, onde fala sobre sua paixão pelo basquete.
@oliveira_jh

6 comentários:

  1. Oláá!!
    Eu gostei de mais dos traços do rebout que a Marvel fez...mas assumo sou DC ainda XD
    HUHAUAHUHAU
    Homem Aranha é um dos poucos da Marvel que eu gosto e to bem contente com o resultado agora!
    Bjoos
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, DC fan. Dê uma chance para a Marvel, ela vai te conquistar. Se o Homem Aranha Superior te chamou a atenção, com certeza outras histórias também o farão. Mas confesso que os quadrinhos da DC são melhores e logo logo farei resenhas sobre. Até mais.

      Excluir
  2. Oi,
    eu li a revista do Homem-Aranha Superior até a sétima edição e até gostei no começo, mas a essência se perdeu no decorrer da história e (sem querer spoilar, mas já spoilando) depois que o Dr. Octopus se livrou da consciência do Parker ficou incrivelmente chato, ouvi dizer que eles vão trazer o Parker de volta, e espero mesmo que tragam porque esse superior não tá com nada...
    Grande abraço!
    Leitor Antissocial

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente a história é muito fraca, mas não é das piores. Seja otimista, cara... hahaha. Mas espero que mude algumas coisas mesmo. Stan Lee merece um mínimo de respeito.

      Excluir
  3. Ainda nao li nenhuma hq da marvel.. Nao sei se essa seria uma boa pra começar..

    Forever a Bookaholic
    Curta a página do blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sinceramente, Camylla, não seria. Comece por X Men, Capitão América ou os Novos Vingadores. Se quiser um humor negro: Dead Pool.

      Excluir

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!