sábado, 18 de abril de 2015

Momento HQ - Vingadores, A Era de Ultron

Boas, caros amantes de quadrinhos. Essa semana será emblemática para o universo HQ dentro de Hollywood. Uma semana que os nerds fizeram fila na pré estreia da venda de ingressos para a pré estreia. Os cinéfilos deixaram para comprar seus ingresso uns três dias depois para evitar a euforia geek e os amantes dessa cultura que se tornou pop vão ao cinema só na semana seguinte para evitar ambas multidões.

Essa semana, mais precisamente na quinta-feira às 21h00, acontece a estreia de VINGADORES, A ERA DE ULTRON.























Portanto, vamos fazer uma breve resenha sobre o que aconteceu na saga dos quadrinhos e tentar fazer um prognóstico amador do que será o filme, tentando evitar qualquer spoiler.

O evento na HQ acontece em linhas temporais diferentes, o que pode complicar um pouco o entendimento, então, não se percam nas datas: no presente, tudo foi destruído pelas máquinas controladas por Ultron, umas inteligência artificial criada no passado por Hank Pin, o Homem Formiga, uma das mentes mais brilhantes do universo Marvel, porém o Ultron odeia a humanidade e está devastando tudo a sua volta. Enquanto isso, os criminosos e antigos vilões passam seus dias a procurar os heróis para capturar e vender às máquinas.

Muitos heróis foram mortos desde que as máquinas tomaram o poder, e os que sobrevivem, precisam se esconder, se reunir e pensar em uma forma de terminar com o caos. Muitos sacrificam suas vidas para que os planos possam continuar.






































Com a ajuda de Nick Fury, os heróis conseguem chegar à Terra Selvagem de Wakanda. Um local na África livre de ataques robóticos. Ali existe uma máquina do tempo e é então que surge a maior dúvida de todas: voltar no tempo e fazer o Homem Formiga desistir de construir tal inteligência, ou rumar ao futuro onde eles sabem que Ultron estará e surpreende-lo com um ataque para que ele morra? Se optar por voltar ao passado, a teoria do caos entra em prática, se cuidar disso no futuro, todos que morreram nunca mais voltarão.

Esse é o plot principal da saga nos quadrinhos. Apesar de serem seis revistas, em momento nenhum a aventura parece maçante ou parada, e sempre algo acontece que mexe com o leitor de uma forma diferente. Emoção de ver os heróis se sacrificando, a tensão de vê-los lutando sem esperança, serem torturados, a agonia de ver, por exemplo, a Viuva Negra com um lado do rosto totalmente desfigurado. Sinceramente, em minha despretensiosa opinião, uma das melhores sagas dos Vingadores.





















Bom, pessoal, agora vamos ao que pode ser visto no cinema.


























Sabemos que o Ultron foi criado pelo Homem Formiga, porém alguns dizem que o Tony Stark será o pai do robô no cinema, quero muito acreditar que não, pois esse seria o gatilho perfeito para o filme do Homem Formiga. Hank Pym entra numa depressão profunda por ter criado a IA responsável por arrasar toda a humanidade e passa a vez para Scott Lang, mas estou perdendo essa esperança trailer após trailer. Acho que não haverá mais de uma linha temporal, ou seja, nada de máquina do tempo, nada de Wakanda, tudo será resolvido ali mesmo, em Nova Iorque. Os principais personagens da saga em quadrinhos são: Wolverine e Sue Storm (nenhuma chance de estarem no filme).

Um momento que todos vimos nos milhares de trailers lançados foi a briga em Hulk e Hulkbuster. Bom, sinceramente não sei o que significa, talvez uma prévia para o Planeta Hulk, que não foi anunciado? Acho difícil. Talvez só um momento de loucura do Hulk para dar aos fãs o gosto de vê-los lutando? Pode ser. O problema é que não vejo espaço entre uma guerra contra máquinas e uma briga particular entre Hulk e Homem de Ferro. Entretanto, é a cena mais aguardada desde a fracassada luta entre Neo e Agente Smith.




















Nos quadrinhos a Viuva Negra aparece com o rosto totalmente desfigurado por um ataque das máquinas, e, sinceramente, seria incrível se a Scarlett Johanson realmente aparecesse assim na adaptação. Not gonna happen, bro.

Expectativas com o cabeça de teia.

Todos ficaram extremamente animados com a (breve) volta do Homem Aranha para a Marvel, e desde então começaram a surgir teorias de que ele pode entrar em cena em algum momento, provavelmente nas já esperadas cenas pós crédito. Realmente, isso colocaria o cinema abaixo e eu estou com essa esperança.

Sei que o filme não será como o quadrinho, mas todos nós estamos com uma expectativa que alcança as botas do Thanos. Apenas peço que não tenha nenhum tipo de romance, isso agravaria o trauma que consegui vendo A Desolação de Smaug.





























João Oliveira, jornalista, aficionado por quadrinhos, livros e cinema. Mochileiro em busca de sua próxima aventura.
@oliveira_jh

4 comentários:

  1. Oi João,
    Como não sou exatamente uma amante dos quadrinhos, não fiquei empolgada com a notícia O.o fiquei completamente deslocada em relação à história. Acredito que muita gente vai surtar, algumas ficarão felizes e outras nem tanto rsrs, mas para ter certeza só esperando.

    ResponderExcluir
  2. Oi João,
    Realmente o filme será totalmente diferente dos quadrinhos mas mesmo assim espero que seja bom, minhas expectativas estão lá no alto...
    Grande abraço!!!

    Leitor Antissocial

    PS: Avisa a Joana que indiquei ela pra uma TAG ;)

    ResponderExcluir
  3. Realmente o filme parece ser muito diferente dos quadrinhos, nunca li nenhum hq mas morro de vontade de começar. Fiquei bem ansiosa com o possível retorno do Homem Aranha para a Marvel, tomara que seja bem aproveitado.
    Tudo que Motiva

    ResponderExcluir
  4. gosto muitos dos quadrinhos, as vezes leio, sempre quando tenho tempo e os filmes tambem

    ResponderExcluir

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!