quinta-feira, 28 de abril de 2016

Pó de lua [Resenha]

onde comprar: Saraiva//Submarino//Fnac

"Em 2011, discretamente, a publicitária Clarice Freire criou no Facebook uma página para reunir seus escritos e desenho. Batizou-a como Pó de lua, sua receita infalível 'para tirar a gravidade das coisas'. Desde então, ela vem conquistando uma legião de fãs fiéis e engajados, que se encantaram com a delicadeza de seus pensamentos, seu humor sutil e o traço despretensioso, que combina desenhos e até fragmentos de palavras. O livro tem o formato de um dos cadernos moleskine onde Clarice exercita sua criatividade. Inspirada pelas fases da lua, ela trata em frases concisas e certeiras, sentimentos como a saudade, o medo, a paixão e a alegria, sempre com sua caligrafia característica, ilustradas com muitos desenhos."

Enfim li Pó de lua. Um livro visualmente encantador, e cheio de frases que vão de motivacionais e pequenas poesias repletas de sentimento. As ilustrações (lindas!) complementam com elegância a escrita da autora, e são o que dá o toque especial à obra.

Algumas frase e imagens do livro


Utilizando como base as quatro fases da lua, a autora, separa seus microtextos em partes específicas, e os versos de cada bloco têm um tema que os une. Da mesma forma, os desenhos vão acompanhando essa temática, e deixam os escritos mais ou menos iluminados, conforme a carga de cada poema.

A linguagem utilizada pela autora é bem acessível, e suas construções são quase musicais em alguns momentos. A poesia de Clarice é simples, porém, criativa, e com isso ela conquista desde o leitor já acostumado a ler poemas até aqueles que nunca tiveram contato com um verso antes.

Um dos muitos jogos de palavras que se transformam em poesia

O livro tem seu valor: o projeto gráfico é impressionante, desde a arte da capa até a lateral, com páginas azuis, e principalmente pelo cuidado que a editora teve ao diagramar as ilustrações de forma artística, transformando cada página numa obra de arte. Apesar de todas essas qualidades, o livro não é para mim: entendo o valor que ele tem e aprecio o trabalho da autora, mas, pela perspectiva de uma leitora mais experiente, ele remete àquelas agendas que toda adolescente tinha, onde guardava suas lembranças mais preciosas ou extravasava sua rebeldia teen.


Pó de lua
Clarice Freire
editora Intrínseca
192 páginas
nota do Skoob: 4.5
nota do blog: 3.0

Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

quarta-feira, 27 de abril de 2016

Lançamentos Draco - Contos do dragão

E estou de volta com mais novidades da Editora Draco para vocês. São contos fantásticos, que podem ser adquiridos separadamente, em formato digital, com preço imperdível. Conheçam mais algumas estórias:


Monstros gigantes - Kaiju
Você pode senti-lo se aproximando. A cada passada, um terremoto. A cada sombra lançada, pânico e terror. Seu urro estilhaça vidraças e mentes. Seus golpes não deixarão pedra sobre pedra. Será a cidade devastada por sua passagem mais uma vez? Das mais antigas eras até o futuro incerto, esses terríveis colossos assolam a Humanidade. Depois de sua chegada, sobreviver se tornará a nossa única razão de existir. Enfrente a avassaladora presença ou vivencie a angústia de pessoas marcadas pela vinda desses incríveis nêmeses. E se houver o dia seguinte à sua marcha apocalíptica, o mundo com certeza não será mais o mesmo.

Contos disponíveis nessa antologia:
- Darvarangá - Daniel Folador Rossi
- Os grandes antigos estão de volta - Davi M. Gonzales
- Teijuaçu contra Kaiju - Sid Castro
- E eu me torno Morte - Daniel Russell Ribas
- Memórias de Lisboa - Pedro Afonso
- O monstro que habita o âmago - Cheile Silva
- O melhor amigo - Barbara Soares
- Sob o etna - Danilo Duarte
- Spaycy - Edgard Refinetti
- Coração Kaiju - Adriano Andrade
- O som do metrô - Leandro Fonseca
- Depois que eles partiram - Gilson Luis da Cunha
- O último caçador branco - Luiz Felipe Vasques
- Rotina - Vitor Takayanagi de Oliveira
- O último café - Bruno M. Alves
- Fita 00371-D - Claudia Dugim
- Hic sun monstra - Mushi-san

Preço por conto: R$ 2,99 - Cliquem aqui e acessem o site da Draco para mais informações.


Excalibur - histórias de reis, magos e távolas redondas
Todos já ouvimos falar do Rei Artur. Desde as crônicas medievais até a literatura contemporânea, passando por meio como o cinema, teatro, quadrinho e games, muito foi contado sobre ele, seus cavaleiros e o mago Merlin, reinventando o universo mágico, cujo centro é a corte do reino de Camelot. Batalhas, encantamentos, amores, intrigas e traições, tudo isso e muito mais se revela a cada página de Exalibur, uma homenagem à fantasia medieval e aos heróis que nunca morrem.

Contos disponíveis nessa antologia:
-  A memória da espada - Roberto de Sousa Causo
- O espelho - Liège Báccaro Toledo
- Momento decisivo - Luiz Felipe Vasques e Daniel Bezerra
- Cavaleiro anônimo - André S. Silva
- Mau conselho - Pedro Viana
- A solução final - A. Z. Cordenonsi
- A fada - Marcelo ABreu
- O fio da espada - Melissa de Sá
- As mãos vermelhas de Isolda - Octavio Aragão
- A dama da floresta - Ana Lúcia Merege
- O rei às margens do rio - Cirilo S. Lemos

Preço por conto: R$ 2,99 - Cliquem aqui e acessem o site da Draco para mais informações.

Além dessas antologias, a Draco também tem a Erótica Fantástica, Samurais x Ninjas, Super-heróis e a Space Opera, também com contos incríveis, para todos os gostos. Todos por apenas R$ 2,99 cada um. Não dá para perder. Para conhecer esses e todos as publicações da Draco, cliquem aqui e visitem o site, vocês não vão resistir a tanto livro bom.


Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

terça-feira, 26 de abril de 2016

Lançamentos Draco

Olá galerinha! Que tal conhecer os últimos lançamentos da Editora Draco? São livros maravilhosos e alguns contos em formato e-book baratinhos baratinhos, que vocês não podem perder:


O teatro da ira - Diego Guerra
Jhomm Krulgar é um ninguém. Um rato de estrada. Um cachorro vadio. Um mastim demoníaco. Sua espada está a venda para qualquer um com moedas n bolso e objetivos escusos. Quando uma garota surge prometendo a riqueza de um rei e a realização dos seus desejos de vingança, ele nem imagina que está prestes a se envolver em um dos mais perigosos jogos políticos de sua era. Agora, ele e Khirk, seu companheiro silencioso, membro de uma antiga raça escrava, partem para o Sul, onde tentarão impedir os rebeldes separatistas de tomar a coroa da maior cidade do Império de Karis. Primeiro romance da série Chamas do Império, esse livro é uma viagem fantástica onde criaturas místicas e soldados comuns lutam lado a lado nas paredes de escudo, implorando pela própria vida e alimentando as fogueiras da morte para fazer valer as vontades de reis e nobres.

Preço de capa: R$ 55,90 (versão impressa)
R$ 24,90 (e-book)



Crônicas de Atlântida - o olho de Agarta, Antônio Luiz M. C. Costa
Agarta é um império orgulhoso onde só os mais fortes se destacam. Quando ocorre um encontro casual entre Vasu, guerreiro agartiano e Tlalpan, uma aventureira atlante, isso pode trazer consequências que mudarão o destino de vastos impérios. Essa estória se passa uma geração após os acontecimentos do primeiro livro, Crônica de Atlântida - o tabuleiro dos deuses: à reconstituição da lendária AtLãntida somam-se a da utópica República de Platão e a de Agartha ou Shambhala, fantasiada por ocultistas do século XIX como um misto de Asgard nórdica e a Ayodhya hindu. O resultado é um cenário imaginativo e original, no qual grandeza e mesquinharia residem lado a lado.

Preço de capa: R$ 59,90 (versão impressa)
R$ 24,90 (e-book)



Contos do dragão: A editora Draco possui o maior acervo de contos single publicados em formato digital do Brasil, disponibilizando para os leitores estórias individuais ou contos de seus autores favoritos. Conheçam a fantástica seleção de publicações em formato e-book, para que vocês possam ler tranquilamente em seu e-reader ou tablet, na hora em que quiser:


Futebol - histórias fantásticas de glória, paixão e vitórias
Uma seleção de histórias craques para torcedor nenhum botar defeito! Não importa se os jogadores são artificiais, fantasmas, demônios ou simples mortais, no incrível mundo do futebol não há discriminação. Boleiros que vivem em nossa imaginação entram em campo para mostrar que futebol e literatura fantástica formam uma combinação de placa.


Contos disponíveis nessa antologia:
- Pátria de chuteiras - Gerson Lodi-Ribeiro
- 2010 - o ano em que faremos contato - Fábio Fernandes
- Sob o signo de Xoth - Carlos Orsi
- Boost - Vinícius Lisboa
- O último grande craque - Marcel Breton
- Jogo puro - Diego Matioli
- O último gol de Tião Canhoto - Fabio Baptista
- O rei do futebol - Sid Castro
- O último jogo - Rodrigo van Kampen
- Nos gramados em cinzas da Arena do Abismo - Marco Rigobelli

Preço por conto: R$ 2,99 - Cliquem aqui e acessem o site da Draco para mais informações.

Amanhã eu volto com mais contos do Dragão para vocês. Até.


Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Um pouquinho de...

"Eu mudei depois daquela noite. Antes daquele momento, eu ainda tinha um pouco de esperança para minha vida. Eu sabia que ninguém podia ser amaldiçoado quando criança com pais tão horríveis apenas para ter uma adolescência adulta igualmente horrível. Até aquele momento, eu pensava que, talvez, a vida de todo mundo tinha um equilíbrio similar de bom e ruim e, a única diferença era que a boa e a má sorte eram distribuídas para cada pessoa diferentemente e em diferentes momentos de suas vidas. Eu tinha esperança de toda a minha má sorte tivesse sido distribuída mais cedo em minha vida e que as coisas ficassem apenas mais fáceis."

(capítulo 44 - o livro foi postado pela própria autora no Wattpad, em inglês, e três meninas fofas do Ugly Love BR estão fazendo a tradução e postando os capítulos no próprio Wattpad. Se você também é fã da Colleen e quer acompanhar mais essa criação dela, clique aqui e acesse o site).



Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Sexta de música #109 - 7 vezes que Chris Martin cantou para te conquistar












Ainda não passou a euforia causada pelo show do Coldplay. Doze dias depois, ainda estou com as músicas ressoando em minha mente. Por isso, o post de hoje é com músicas deles!

O momento que ficará eternamente em minha memória será a apresentação de Shiver, uma das minhas músicas preferidas da banda, e que eles não tocavam ao vivo há muito tempo. Acho que de tanto mentalizar e fazer pensamento positivo, eles acabaram escolhendo ela para tocar no palco C, de onde fiquei bem pertinho, curtindo a canção que eles estavam tocando para mim (claro!).

Na playlist de hoje, quero compartilhar com vocês algumas das músicas mais românticas do Coldplay, aquelas que fazem as meninas se apaixonarem por eles, ou que podem ser a trilha sonora de momentos importantes da vida de alguém. São sete canções cheias de amor, que vão conquistar vocês também.


Só para esclarecer, não acho que Chris Martin seja lindo, ou que possa de separar dos outros integrantes da banda. Longe disso: o post só faz referência a ele porque ele é o frontman da banda, é a voz dele que alcança nossos ouvidos e nos emociona. É a interpretação apaixonada dele das letras doces que muitas vezes ele mesmo escreveu, que nos aproxima de Jonny, Guy e Will, tão importantes e queridos quanto Chris.

Aproveitem o som e depois comentem, okay? Okay.





1. 'Til kingdom come
2. Shiver
3. In my place
4. A warning sign
5. Green eyes
6. Magic
7. Yellow

E como bônus, o vídeo com Jonny e Chris apresentando o TVZ no Multishow:






Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

quinta-feira, 21 de abril de 2016

Clímax [Resenha]

onde comprar: Fnac//Amazon//Americanas 


"Penny Harrigan é uma jovem recém-formada em Direito, que trabalha no maior escritório de advocacia de Manhattan. Vinda do meio-oeste, ela mora em um apartamento no Queens com duas colegas, e há tempos não tem sinal de vida amorosa. Por isso, imagine o choque que leva quando C. Linus Maxwell - ou ClíMax, o megabilionário famoso por casos com as mulheres mais lindas e cobiçadas do planeta - a convida para jantar? Pois ele não só a leva ao restaurante mais badalado de Nova Iorque, como também a uma cobertura de Paris, onde, caderneta à mão, começa a conduzi-la por dias e dias de ápices insonháveis de prazer orgásmico, Vai reclamar? Sim: Penny descobre que é a cobaia na etapa final de pesquisa e desenvolvimento da Beautiful You, uma linha de apetrechos sexuais que serão vendidos às mulheres do mundo todo, numa cadeia multinacional de lojas."

Nunca tinha lido nada do Chuck, e sempre ouvi ótimas opiniões sobre seus livros, então resolvi começar por esse, e não por Clube da luta, e não me decepcionei: ele realmente escreve muito bem, e sua narrativa é fluida e inteligente.

Com uma protagonista que não tem nada de boba e inocente, mas está um tanto quanto decepcionada com o rumo que sua vida está levando, Chuck satiriza as personagens insossas dos chick-lits que dominam o mercado desde o surgimento de Christian Grey. Peny é uma advogada que não consegue passar no exame da Ordem, por isso não é respeitada no escritório onde trabalha, sendo, na maioria das vezes, vista como a garota responsável pelo café.

Seus sonhos são ambiciosos: ela quer se realizar profissionalmente e segui o exemplo das mulheres que sãos seus ídolos, fazendo algo importante para as outras mulheres do mundo. Mas isso se mostra mais difícil do que ela imagina. No âmbito pessoal, ela quer achar um amor sim, mas há muito tempo não tem um relacionamento.

Então ela é abordada por C. Linus Maxwell, um milionário poderoso que a chama para sair, contrariando todas as suas expectativas. Após o primeiro encontro, todos os jornais e revistas já estão falando deles, e ela acha que vai ser o fim. Mas Max volta a convidá-la com frequência, e eles ficam cada vez mais juntos. Depois de transarem pela primeira vez, Penny percebe algo estranho: ele não faz sexo, ele estuda e analisa o corpo dela, como se fosse uma experiência. O que, mais tarde, ela descobre ser verdade.

Max está criando uma linha de produtos eróticos nunca antes vista, que vai levar as mulheres a orgasmos super intensos, como elas jamais poderiam sonhar. E Penny nada mais é do que uma cobaia, com quem Max faz seus testes e aperfeiçoa seus produtos. Após 136 dias, ela a dispensa, e lhe dá uma grande soma em dinheiro para que ela nunca fale com ninguém sobre o que fizeram juntos.

A linha de produtos Beautiful You cai como uma bomba no mercado: as mulheres ficam totalmente dependentes dos brinquedos, abandonam trabalho, família e toda a sua vida pregressa para ficaram trancadas nos quartos usando as criações de Max. O mundo real vira um caos, já que os homens se desesperam e não sabem mais o que fazer para trazer de volta suas mulheres.

O cenário passa a ser quase pós-apocalíptico: com mulheres viciadas nos orgasmos proporcionados pelos brinquedos de Max, caminhando pelas ruas como zumbis, enquanto outras se exaurem sozinhas em seus quartos, sem comer ou dormir.

Penny se sente responsável pela situação e tenta resgatar as mulheres desse transe, mas não consegue fazer nada; as dependentes do prazer se voltam contra ela, enquanto os homens querem atacá-la, já que ela parece ser a única que não está viciada nos brinquedinhos. As ruas ficam perigosas para Penny, e isso a impede de seguir seu plano.

Para piorar, ela descobre que através desses apetrechos, Max está implantando nas mulheres nanorrobôs, que viajam por sua corrente sanguínea e dão a ele total controle sobre o que elas pensam. Apavorada com a situação, já que ela mesma foi uma vítima do plano malígno de Max, ela vai atrás da mentora sexual dele para tentar aprender algo que o impeça de dominar o mundo.

A narrativa de Chuck é brilhante, e ele tem o dom de descrever lugares e situações com poucas palavras, mas que criam uma imagem na cabeça do leitor. Seus personagens são muito bem construídos, e todos têm a personalidade bem definida. Além disso, a estória é atemporal, mas ao mesmo tempo faz referências à fatos contemporâneos, como a recente febre causada pela saga Crepúsculo. Aliás, o autor deve detestar os livros de Meyer, pois fala sobre eles diversas vezes num tom totalmente irônico.

Eu estava achando o livro perfeito, até o seu desfecho, quando ele deixou de fazer sentido. Achei o final, e os acontecimentos que levaram a ele, bem fraco. Depois de ler quase 200 páginas de uma estória empolgante e inovadora, esperava que o autor fosse dar a sua protagonista um final mais digno. Talvez esse seja o estilo do Chuck, ou talvez minha expectativa fosse alta demais, mas o fato é que não gostei conclusão.

O livro é divertido, inteligente, intrigante e gostoso de ler. Recomendo para todos que procuram uma leitura ágil e fluida, e que gostam de um estilo narrativo moderno, sem floreios e com personagens marcantes.

Clímax
Chuck Palahniuk
editora Leya
224 páginas
nota do Skoob: 3.5
nota do blog: 3.5



Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Editora Arwen - Lançamento de abril

Mas gente, a Arwen não para de nos surpreender!!! É um livro incrível atrás do outro! Confiram as novidades do mês de abril e a notícia que a editora preparou para o final:


Anseios - Vítor Hugo Felix
Nicolas é um adolescente quieto, relapso e introvertido, que tem poucos amigos e passa o dia vendo bobagens na internet. A sua vida apática, porém, vira de cabeça para baixo quando o garoto de dá conta de que está apaixonada por Elana, uma colega de classe bonita, inteligente e muito diferente dele. Elana é apaixonada por Kevin, um rapaz que Nicolas despreza. Paixão e um ciúme que beira a doença levam o protagonista a se ver envolto em situações bizarras, completamente inexplicáveis, e que podem estar relacionadas a seus desejos mais profundos... Mas tudo vem com um preço e, talvez, o que Nicolas tenha que pagar seja muito acima do que ele estaria disposto. 'Anseios' é uma história de autoconhecimento. Romance, traição, remorso e perdão permeiam a trama e impactam o leitor. O livro instiga a reflexão sobre nossas culpas e responsabilidades, e deixa em aberto a pergunta: até onde você iria para ter tudo o que anseia?




Ecos: o mar é a nova Lua - Béatrice T. Dupuy
Alexandre volta à casa em que morou quando adolescente e revive muitas lembranças ligadas ao misterioso desaparecimento de seu pai. 'Ecos - o Mar é a nova Lua' traz duas histórias ligadas aos valiosos tesouros submarinos e à existência dos seres que vivem nas águas dos oceanos. Interesses econômicos impedem que pesquisas importantes sejam reveladas, nem que para isso seja necessário eliminar os cientistas e pesquisadores envolvidos, que dispõe de ricos dados sobre o assunto. Alexandre relata as peripécias de seu pai, Alfred, que durante suas pesquisas começa a desconfiar de perigos advindos dos sonares da marinha que estão causando a morte de baleias. O fato mais perturbador é a existência de hominídeos, criaturas fantásticas e cativantes vivendo nas abissais profundezas. Dispor dos dados e pesquisas para poder contatar os seres, cuja existência é negada e também escondida pelos que consideram-se os donos da ciência, tudo isso é mostrado na fascinante narração feita pela autora. Quem lê, descobre que há um mundo paralelo, onde Alexandre precisará fazer uma escolha que norteará toda a sua vida.



Mundo elemental: o escolhidos - Débora Santana
O que você faria se fosse parar em um mundo onde a magia e todos os seres e criaturas fantásticas, só conhecidos em filmes e livros, existissem? E ainda por cima, uma profecia dissesse que você é o Escolhido, e que deve libertar os povos oprimidos, matando um poderoso feiticeiro que existe naquele mundo. Peter, junto com seu primo Thomas, atravessou a barreira dos universos e agora precisa decidir entre voltar para casa ou tentar cumprir o destino que todos dizem ser dele. Lyla, uma garota aparentemente normal, descobre, com a chegada do Escolhido, que foi encontrada na vila ainda bebê e que precisará viajar junto de Peter e Thomas para desvendar seu passado e descobrir quem, ou o que, realmente é. Junto de seus amigos, Peter descobrirá um mundo novo e verdades que seu próprio mundo desconhece. Terá que enfrentar situações perigosas, tomar decisões difíceis, e, principalmente, aprender a acreditar em si mesmo.



O segredo do Vaticano - Jonathan Carter
Michael é um professor que, ao se aventurar pelas dunas do deserto, encontrou um tesouro inestimável. Lorenzo é um policial devoto que investiga o assassinato de um padre na Itália. Num bairro mexicano tranquilo, mora Francisco, um senhor que dedicou sua vida para estudar a humanidade. Pessoas diferentes, em partes distintas do mundo, mas todos eles têm algo em comum: em suas mãos está o segredo do Vaticano.












E a grande notícia de hoje é que a Arwen vai ter um stand na Bienal do Livro SP esse ano (todos comemorando com a dancinha da vitória agora!):



















É muita novidade para um único post! Eu estou apaixonada por essas capas dos novos livros, e já quero todos! Para adquirir esses e outros livros incríveis da Arwen basta acessar o site clicando aqui. E aproveitem que entre hoje e amanhã todos eles vão estar custando só R$ 9,90. Isso mesmo, NOVE REAIS E NOVENTA CENTAVOS cada livro! É muito barato, e é nossa chance de completar nossa coleção.

Também não vejo a hora de passar no stand da editora na Bienal. Espero encontrar alguns de vocês por lá ;)


Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

terça-feira, 19 de abril de 2016

O que eu li em março


Aos 19 dias de abril, venho contabilizar as leituras feitas em março. E parece que já faz um tempão que esse mês começou!


Foram só 5 livros, menos que fevereiro, porém, foram ótimas leituras. Consegui terminar a trilogia Revenants; Se eu morrer foi o melhor dos três livros, e todos têm resenha (aqui, aqui e aqui). Depois li dois livros que estavam na fila há muito tempo: Amsterdam, de Ian McEwan e BR 163, do meu querido Tony Bellotto (e mais uma vez ele não decepcionou). Esses ainda não têm resenha aqui no blog, mas terão em breve.

Também li meu primeiro Chuck Palaniuk, Clímax, e comprovei os elogios que todos fazem à escrita do cara; ele é bom mesmo. Fechando as leituras de março, vem Deixe-me entrar, livro de estreia da Letícia Godoy, que já tem resenha publicada (para ler basta clicar aqui).

E o desafio do Alfabeto Literário está assim:




Título
A- Amor vampiro
B- Beijos de vampiro
C- Clímax
D- Deixe-me entrar
E- Espadachim de carvão
J- Jogos mentais
L- Loving the band
M- Mônica é daltônica
P- Pavor espaciar
S- Se eu morrer

Nome de protagonista
C- Cláudia (Entrevista com vampiro)
E- Eva (Somente sua)
J- Julianne (Deixe-me entrar)
K- Kate (Até que eu morra)
L- Luna (Jogos mentais)
S- Silas (Nunca jamais)

Autores
A- Anne Rice
C- Chuck Palaniuk
K- Karen Alvares
L- Letícia Godoy
P- Paulo Henrique Bragança
S- Sylvia Day
T- Terri Tery

Ainda não sabem o que é o desafio e como participar? Leiam o post de janeiro (clicando aqui) e entendam como funciona. É bem simples, e tenho certeza que vocês vão curtir.

Como andam as leituras de vocês? Me contem tudo nos comentários! Até o próximo post!



Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Um pouquinho de...

"Analistas de comportamento foram rápidos em destacar como a publicidade se aproveitava havia muito tempo dos impulsos sexuais naturais dos homens. Para vender certa marca de cerveja e fisgar o público masculino, a mídia só precisava mostrar corpos femininos idealizados. Essa tática histórica parecia explorar as mulheres e favorecer os homens, mas os observadores mais astutos reconheciam como as mentes de homens inteligentes estavam sendo apagadas - suas ideias, sua capacidade de concentração e de compreensão - a cada vislumbrar de seios atraentes e de coxas lisas e firmes."


(página 129)




Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

sábado, 16 de abril de 2016

Semana Especial Daniella - Desejo

Aquela gordinha linda, protagonista do livro As grandes aventuras de Daniella, já apareceu antes num conto da L. L. Alves, que está disponível na Amazon.




O conto Desejo, prequel de As grandes aventuras de Daniella, está de graça na Amazon durante essa semana. Não percam a oportunidade de descobrir como Dani e Thiago se conheceram. Leiam também no Wattpad, se preferir:

Amazon: https://www.amazon.com.br/dp/B00F9W2MP0

Sinopse:

"Daniella passa pelos dilemas mais comuns da vida adulta e precisará entender que o importante não é quantos quilos a balança exibe, mas o que sentimos ao nos olhar no espelho. Com uma pitada de humor e erotismo, nossa protagonista encontrará alguém que inesperadamente lhe mostrará que a vida merece ser vivida ao máximo, jamais ignorando seus anseios.
Desejos é um conto sexy que aborda temas do cotidiano e mostra como se sentir bem consigo mesma é a chave para a felicidade."

E lembrando que o livro As grandes aventuras de Daniella está com desconto de 19% na Arwen Store, pode ser parcelado em 3 vezes e vocês ainda ganham brindes exclusivos durante a pré-venda. Acessem a loja da editora clicando aqui.






Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

quinta-feira, 14 de abril de 2016

Deixe-me entrar [Resenha]

onde comprar: Arwenstore 

"Julianne Ipswich cresceu confinada no internato Le Rosey, afastada de sua família com o pretexto de receber uma educação de qualidade. Este fato sempre a incomodou e o maior desejo de Julianne era descobrir o real motivo para sua família tê-la afastado. Ao completar 15 anos, ela retorna para Stone Forest, a cidade de seu pais, e, aos poucos, acaba descobrindo mais detalhes sobre sua família. Cercada por muito mais perigos do que ela jamais pôde imaginar que surgiriam em sua vida, Julianne precisará desvendar os mistérios de seu passado e preparar-se rapidamente para os desafios do futuro, se quiser sobreviver. As vozes se misturam, os olhos sedentos nunca param de espreitar e o perigo está onde ela menos imagina. Será que Julianne conseguirá enfrentar tudo isso?"

A primeira coisa que me chamou a atenção nesse livro foi o fato de ter vampiros na trama: são minhas criaturas sobrenaturais preferidas, e eu não tenho preconceito, gosto tanto dos clássicos quanto dos mais modernos e diferentes. E então, assim que comecei a ler, quase desanimei, pois a narrativa estava bastante lenta, focando nos dilemas adolescentes da protagonista, e nada dos vampiros aparecerem. Como não sou de desistir, segui em frente e, ainda bem, a estória deslanchou e me agradou bastante,

Por se tratar de uma personagem que está na adolescência, Julianne tem seus momentos de indecisão e rebeldia, e no começo da trama a autora fala bastante sobre suas aventuras (e desventuras) amorosas no colégio, e isso, principalmente, foi o que achei desnecessário para a construção da estória. Passada essa fase, entramos na trama propriamente dita, que é quando Julianne começa a descobrir que todos na sua família são vampiros, e seus vizinhos também.

A problemática está nos objetos mágicos que a família Ipswich possui, e que dão aos vampiros o poder de sair ao sol sem serem destruídos. Toda os vampiros do mundo querem essas joias, e ninguém pode saber que estão com os pais de Julianne. O fato da protagonista não ser uma vampira como o resto dos familiares a torna um alvo fácil nas mãos daqueles que querem roubar aqueles objetos da família, por isso, todos eles a protegem muito.

Um ponto que, inicialmente, me deixou apreensiva foi o fato de existirem muitos personagens na estória, pois alguns deles pareciam desnecessários. Mas, felizmente, todos foram se mostrando importantes ao longo da narrativa, e a dúvida se tornou um dos pontos mais positivos do livro, já que cada um desses personagens têm a sua finalidade dentro da estória, e não estão ali por acaso. Tudo faz bastante sentido quando a leitura termina. Até mesmo o fato de a narrativa ser lenta no começo, aos poucos vai se consolidando como uma base para o crescimento da protagonista, que vai amadurecendo ao longo da estória, e todas aquelas experiências que ela vive servem para fortalecer seus atos futuros.

Além da disputa pelos objetos mágicos, o cerne da estória é o envolvimento de Julianne com um vampiro misterioso, que surge do nada, mas que parece ter uma ligação muito forte com ela. Essa ligação também é sentida pela própria Julianne, e é dessa relação que vem a explicação para o título do livro e para todo o universo criado pela autora. A mitologia que ela criou para embasar a estória dos vampiros mais antigos e de sua linhagem é fascinante, muito bem desenvolvida e convence o leitor facilmente.

No final, a autora trabalhou de forma brilhante para deixar um gancho para o próximo livro, e prender o leitor. É visível o crescimento da personagem principal, Julianne, e que ela poderá se tornar ainda muito mais forte no segundo volume da série, já que agora ela conhece muito mais sobre a própria família e o universo vampiresco que a rodeia. Recomendado para todos os leitores que procuram uma boa aventura sobrenatural, e um romance nacional criativo, que moderniza um assunto clássico, sem ofender suas características mais marcantes.



Deixe-me entrar
Letícia Godoy
editora Arwen
320 páginas
nota do Skoob: 4.9
nota do blog: 4.5

Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Semana Especial Daniella - Conheçam Dani

O chick-lit fofo As grandes aventuras de Daniella, da autora - também fofa - L. L. Alves está em pré-venda! E se vocês ainda não conhecem essa personagem tão linda, está mais que na hora de conhecer e se apaixonarem também!



O livro está sendo publicado pela nossa parceira Editora Arwen, e pode ser adquirido, nas versões brochura e capa dura (e com essa arte linda, vale muito a pena escolher o hardcover), com super desconto diretamente no site da editora clicando aqui. Pela sinopse dá para ter uma ideia do quanto esse livro é divertido e inspirador, confiram:

"Bom, o que eu tenho a dizer sobre esta história maluca que estou prestes a contar? É simples: vocês não vão acreditar. Sério mesmo. Vai parecer loucura, com minha bica suja, dois pés esquerdos, noites inusitadas e quilinhos a mais (muito mais, mas não vamos entrar em detalhes...). Mas vou fazer o quê? É a verdade. E eu vou contar para vocês porque... Sei lá. Na verdade, eu nem devia estar contando, alguns de vocês vão se chocar.
Ainda está aqui? Bom, o risco é todo seu. Prepare-se.
Ah, é verdade, esqueci de me apresentar (típico). meu nome é Daniella Fagundes, vinte e oito anos, namoro com o Thiago há dois anos e posso dizer que tudo está mais que perfeito! (xi, exagerei agora, né?). Também adoro comer e sou diferente de qualquer outra mulher que já tenha contado sua história para vocês. Por quê? Porque sou uma daquelas mulheres conhecida como gordinha. Sabe como é? Eles não se referem a mim como a sagaz Daniella ou a superconfiante Daniella. Sou apenas a gordinha do grupo. Sempre tem que ter um, não é?
Bom, é isso aí, acho que deu para entender. Afinal, vocês estão prestes a conhecer minhas aventuras de autoconhecimento e de... Comece a ler, ué. Não quer perder um segundo, quer?"




O livro é divertido e a personagem é muito real. Ela dialoga diretamente com o leitor, e isso nos aproxima de seus dilemas e de suas alegrias. Não percam o desconto de 19% na loja da Arwen,  adquiram o seu agora mesmo e ainda ganhem brindes incríveis!

As grandes aventuras de Daniella é um romance que lida com autoestima sob a perspectiva de uma personagem acima do peso. Daniella Fagundes é desastrada e sem papas na língua, mas é um amor de pessoa. O foco da história é o cômico, com situações engraçadas e que apresentam o dia a dia da personagem. No enredo, ela vai passar por uma série de 'aventuras' para se descobrir e aprender a se amar. Com um toque de sensualidade, Dani aprenderá a gostar do que vê refletido no espelho, mesmo que não siga o padrão irreal que estampa as revistas. É um livro sobre como a sociedade nos pressiona a sermos perfeitos e o quanto isso nos desgasta, mas que com muita luta conseguimos nos libertar e começar a cultivar o amor próprio.


















Passem pela loja da Arwen e comprem o seu (aqui). A versão capa dura está com preço lindo de viver, vale a pena =)


Este post é válido para o Top Comentarista, participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen