quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Reverso [Resenha]


"Megan gostaria de ter deixado todos os seus medos do outro lado do espelho, presos com Megami e sua perigosa obsessão. Mas ela sabe que nada é tão fácil e, rápido demais, o espelho cobra seu preço também deste lado. Megan se vê dentro do seu maior pesadelo, um que conhece muito bem. E agora, além de lutar contra Megami, precisa fazer uma terrível escolha que definirá o seu futuro e o das pessoas ao seu redor. Em meio a tantos segredos e dúvidas, Megan deve descobrir a verdade sobre Megami e, acima de tudo, sobre si mesma. Reverso é a conclusão da história em Inverso, a jornada de uma garota em busca de sua própria identidade. Para proteger quem mais ama, Megan enfrentará seus maiores temores e irá compreender seus sentimentos mais profundos. Mas será que ela é assim tão diferente da garota que a encara do outro lado do espelho?"

Na continuação de Inverso (leia resenha aqui), reencontramos Megan e seu conflito com o mundo que existe do outro lado do espelho. Depois de perder a mãe para um câncer e passar a viver apenas com o pai e a irmã mais nova, ela descobre que pode ter uma vida totalmente diferente se atravessar o espelho do antigo quarto da mãe. Lá, do outro lado, tem uma família igual a sua, onde a mãe ainda vive, e uma menina que é totalmente o oposto de Megan, Megami, que parece ser má e cheia de problemas.

O conflito está na decisão que Megan tem que tomar: se atravessar novamente o espelho, poderá ter tudo o que sempre quis: a mãe presente, o pai e a irmã, como uma família feliz. Apesar daquela família estar em conflito, Megan acredita que eles podem voltar a viver em harmonia. Porém, para isso, ela terá que deixar o pai e a irmã de verdade aqui, desse lado do espelho, e seu melhor amigo da vida toda, Daniel.

Para reforçar suas dúvidas, Megan descobre que tem um câncer exatamente igual o da mãe, no cérebro, inoperável. Ela e o pai passam a viver na expectativa de que ela se cure, e não acabe morrendo como aconteceu com sua mãe. Mas enquanto Megan tenta lutar contra a doença, Megami continua a chamá-la pelo espelho, oferecendo uma vida sem a doença, enquanto ela assumiria o lugar de Megan  e passaria a viver em paz com a família que restou.

"- É câncer, certo? Eu tenho a porcaria de um tumor na droga da minha cabeça.
Ela sentiu os olhos do pai sobre si, mas fingiu não ver. Não naquele momento. Megan não poderia encarar aqueles olhos desesperados; começaria a chorar ali mesmo e a última coisa que desejava naquele momento era chorar. Precisava ser prática e objetiva, coisa que sabia que sua mãe nunca tinha sido." (página 36)

Enquanto o tumor cresce e faz Megan desejar atravessar o espelho para se livrar dele, ela começa a ler o antigo diário da mãe, onde ela conta em detalhes algumas das passagens que fez para o outro lado, da vontade que tinha de também viver lá, onde era saudável, mas que a troca teria um preço muito alto, que ela não estava disposta a pagar.

A realidade atinge Megan em cheio, e ela tenta a todo custo encontrar uma solução tanto para sua doença e morte eminente, quanto para os problemas de Megami, para que ela a deixe em paz aqui desse lado. Megan descobre que também teria que abrir mão de alguém que ama muito para colocar as coisas em seu lugar e voltar a viver com saúde, mas ela tem medo. É lindo ver o crescimento da personagem, reconhecer sua superação e a vontade que ela tem de continuar vivendo, a qualquer preço.

"Assim que Megan atravessasse o espelho, jamais veria novamente o rosto de sua mãe daquele jeito. Tão próximo. Jamais sentiria seu toque novamente. Jamais ouviria sua voz.
Megan perderia sua mãe, para sempre." (página 137)

O problema é que qualquer decisão que ela tome irá afetar as pessoas ao seu redor, e também a sua versão que mora dentro do espelho. O leitor sofre junto com a protagonista enquanto ela tem que decidir que direção tomar, e também pode sentir o drama que cerca Megami, do outro lado do espelho.

A superação e o autoconhecimento dão o tom à narrativa, e o leitor torce para que Megan consiga tomar a melhor decisão possível, apesar das perdas que poderá ter. Reverso é uma história complexa, cheia de sentimentos, drama e amor, mas que se torna simples e próxima de alguns sentimentos que temos no nosso dia a dia. A escrita da autora é bem fluida, o que torna a leitura tão agradável que, quando o leitor percebe, já está no fim do livro. Recomendo a leitura para todos que gostam de uma boa trama, cheia de sofrimento e com final feliz.


Reverso
Karen Alvares
editora Draco
148 páginas
nota no Skoob: 4.8
nota do blog: 4.8


Este post é válido para o Top Comentarista participe!


Joana Masen, quando não está resenhando, pintando e bordando por aqui, está escrevendo poesia no blog Milonga.
Twitter: @joana_masen

26 comentários:

  1. Que capa sombria... Nunca tinha ouvido fala r desse livro. Esse tipo de livro não me chama atenção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A capa é meio sombria, e a história me surpreendeu.

      Excluir
  2. Não conhecia a história nem de um nem da outra continuação e confesso que apesar de algumas coisas serem bem parecidas com Alice, Coraline o livro e sua premissa me deixaram bastante curiosa. Já conheço um pouquinho da escrita da Karen e gosto muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não conhecia a escrita d Karen, e adorei o estilo dela. Ele lembra mesmo alguns livros clássicos, mas a história é bem tocante.

      Excluir
  3. Primeira vez que leio algo sobre essa série e confesso que me deixou bem curiosa.
    A história parece ser muito bem construída, daquelas que conseguem prender o leitor.
    Fiquei ainda mais interessada por ser de uma autora nacional.
    Curto bastante quando é uma "boa trama, cheia de sofrimento e com final feliz". Principalmente com finais felizes rs
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal Caroline, acho q vc vai gostar desse livro, ele tem todas essas características.
      Bjos!

      Excluir
  4. Que resenha mais linda! Obrigada pelas palavras, Joana! Fico muito feliz que curtiu o livro!!!
    Beijos, lindona!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu adorei o livro, já está entre os meus preferidos!
      Bjos!

      Excluir
  5. Oiii ! amei a capa hahaha <3, eu já tinha visto livro, mas não sabia do que se tratava, e tbm não sabia que era uma série cujo esse é o segundo livro. Mas fiquei bastante interessada, todos sabem que a coisa mais dificil do mundo são as escolhas, pois elas definem tudo na nossa vida, e eu espero que Megan faça a melhor escolha, mas ainda sim, lendo a resenha, pelo menos no começo da resenha, achei Megami uma pessoa má que só queria fazer mal pra Megan, mas não sei se é isso, mas a capa meio que me ajuda com essa opinião kkkkk. Pretendo ler sim !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elas têm momentos bons e maus Raquel, e Megami tem seus motivos para agir com maldade algumas vezes. Mas elas acabam se acertando e vivendo cada uma sua própria vida. Leia sim, vc vai gostar.

      Excluir
  6. Sofrimento não me incomoda, só o drama em cima dele as vezes rs
    Gostei dessa fantasia que o espelho trás e fiquei curiosa com o diário da mãe. Amei a capa e com certeza leria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super recomendo q vc leia Thaynara, é um livro com final muito interessante.

      Excluir
  7. Baixei Inverso esse mês pelo aplicativo do kindle para Sansung e fiquei bem curiosa com a capa encantadora. Confesso que não sabia do que se tratava a história e adorei o enredo. Espero que não tenha pego muitos spoilers aqui, haha. Além do Câncer da Megan, que não sei se aparece no primeiro livro.
    Gostei da resenha. Me deixou beeem curiosa pra conhecer logo a obra.

    Uma Mãe Leitora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre procuro evitar spoilers nas resenhas, acho que consegui não revelar nada decisivo na história, que possa atrapalhar a experiência de leitura, ainda que o câncer não tenha sido mencionado no primeiro livro.
      Espero que goste do livro.
      Bjos!

      Excluir
  8. Joana!
    Estou com Inverso aqui para fazer a leitura, mas ainda não deu...
    Achei o tema que a Karen criou bem criativo e mostra nossos próprios dilemas diários e que tudo tem um preço a ser pago, seja aqui ou do outro lado do espelho.
    “Saber encontrar a alegria na alegria dos outros, é o segredo da felicidade.” (Georges Bernanos)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de FEVEREIRO, livros + KIT DE MATERIAL ESCOLAR e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Rudynalva, essa é a maior lição dos livros.
      Bjos!

      Excluir
  9. Oi, Joana!!
    Não conhecia esse livro, mas adorei a premissa dele e também a capa!! Gostei da história parece ser bem instigante!! Megan pode continuar em seu mundo ou atravessar o espelho!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marta!
      Se tiver a oportunidade, leia os dois livros, você vai gostar.
      Bjos!

      Excluir
  10. Gente, só de ler a resenha sei que leria esse livro com o coração na mão porque acho que qualquer um que tivesse na situação da protagonista não saberia o que fazer, pode ir para o outro lado mas iria deixar a família verdadeira pra trás mas com uma chance de o câncer ficar pior. Eu tenho que dizer devo bater palmas pra escritora pela criatividade do enredo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rissia, essa sensação tomou conta de mim durante a leitura, é muita ansiedade para saber o que ela vai escolher, e qual o preço que ela vai pagar pela escolha.
      Bjos!

      Excluir
  11. Oi!
    Quero muito ler esse livro, o primeiro já tinha me conquistando, mas esse parece ser ainda melhor, parece que a personagem tem muitas decisões dificil para tomar e gostei muito desse crescimento dela ao longa da historia, fiquei curiosa para ver o que ira acontecer, quero muito ler esse livro !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana,
      sim, eu tbm acho que esse é melhor que o primeiro, pq aqui a trama já está mais desenvolvida, e o drama da protagonista fica cada vez maior.
      Leia sim, recomendo.

      Excluir
  12. Oi, tudo bom?
    Ainda não li Inverso, para falar a verdade não sentia vontade de ler ainda, esse segundo livro parece ser bom, parece ser uma historia um tanto um tanto triste por causa dessa coisa do câncer e tal, mas acredito que tenha muito a ensinar, quem sabe eu venha a dar uma chance aos livros.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila,
      o livro não é tão triste quanto parece, acho que ele mexe mais com o psicológico do leitor. Pode ler tranquila, tem momentos triste sim, mas nada demais.
      Bjos!

      Excluir
  13. Sou louca para ler INverso e Reverso, parecem ótimos. Adorei todas as resenhas que li e achei espetacular a história.
    Mas confesso, que após ler sua resenha, fiquei com um pouco de medo, parece ter tanto sofrimento kkk ai ai ai, gosto disso não.
    Mas se o final é feliz, vale a pena ler.
    bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, não é tanto sofrimento assim, dá pra ler tranquila, ainda mais se vc ficou curiosa com a história, rs.
      Bjos!

      Excluir

Olá! Que bom ter você por aqui!
Fico feliz em receber seu comentário, crítica ou sugestão. Pode falar a vontade, esse espaço é seu. Acompanhe a resposta ao seu comentário clicando em "Notifique-me".
Obrigada pela visita!